Port-Louis - A companhia de aviação maurícia Air Mauritius operou, segunda-feira, o seu primeiro voo para Chengdu, fazendo deste destino o quarto na China depois de Hong Kong, Xanghai e Pequim.

Num comunicado publicado em Port-Louis, a Air Mauritius indicou que começou as suas operações para a China com um primeiro voo para Xanghai, a 4 de julho de 2011, segundo um plano visando reequilibrar a sua rede e o seu crescimento de combustíveis para com os mercados emergentes.

"Esta primeira iniciativa estimulou uma procura substancial do mercado chinês e levou a companhia a aumentar as suas frequências para a China com três voos diretos semanais para Xanghai e dois para Beijing em 2015", indicou.

Este ano, a Air Mauritius diversificou as suas operações para a China com vista a uma ligação para  Chengdu.

A companhia oferece um total de 132 mil assentos em voos diretos para a China durante 2015-2016.

Por conseguinte, a Air Mauritius opera agora nove voos para a China por semana, dos quais dois voos diretos para Xanghai, um voo direto para Beijing, um voo direto para Chengdu, dois voos diretos para Hong Kong e três voos para China via Kuala Lumpur, na Malásia.

Numa declaração, o diretor-geral da Air Maurituis, Andre Viljoen, disse que a companhia investiu enormemente na China durante os quatro últimos anos à margem da estratégia maurícia visando diversificar os seus mercados turísticos.

"As chegadas turísticas da China conheceram igualmente um crescimento de dois dígitos desde o início das nossas operações em 2011, o que faz da China um mercado maior para a Air Mauritius e o início das operações para Chengdu alarga as perspetivas de crescimento", declarou. Panapress

Reserve já

motor reservas

Newsletter

introduza os seus dados de registo| enter your registration data| entrez vos données d'inscription